Mensagens



PALAVRA PASTORAL - 23/07/2012

Porque Deus nos leva para o deserto

“Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo.” Mateus 4:1
Amados a vida de Jesus é a nossa referencia de vida na caminhada cristã. Se você quer saber o que é uma caminhada cristã estude a vida de Jesus, se você quiser compreender o caminho do discípulo e do discipulado basta você ler os evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas e João.
Hoje, estudando sobre esse texto, fiquei pensando sobre o inicio da caminhada publica de Jesus, ministerialmente falando, no capitulo 3  a partir do verso 13  e veja se não é assim conosco também:
“Então veio Jesus da Galiléia ter com João, junto do Jordão, para ser batizado por ele. Mas João opunha-se-lhe, dizendo: Eu careço de ser batizado por ti, e vens tu a mim? Jesus, porém, respondendo, disse-lhe: Deixa por agora, porque assim nos convém cumprir toda a justiça. Então ele o permitiu. E, sendo Jesus batizado, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba e vindo sobre ele. E eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo.” Mateus 3:13-17

A caminhada cristã começa com a confissão de fé, recebendo e aceitando a Jesus como Salvador e Senhor de nossa vida, logo vem o batismo em águas que é a identificação daqueles que fazem parte do corpo de Cristo.
Jesus também foi batizado. Tudo isso tem a ver com o inicio da caminhada cristã, com o discípulo no caminho do discipulado, e ai diz: “batizado Jesus saiu logo da água, e eis que lhe abriram o céus.”.
Talvez não exista um momento tão prazeroso quanto esse que você descobre Jesus, O descobre como seu Senhor seu Salvador, esse momento em que você tem um encontro pessoal com Ele é que nos chamamos de "primeiro amor". Como é bom lidar com pessoas que acabaram de ter uma experiência pessoal com Cristo, que acabou de nascer de novo. Há uma alegria indizível, há um vislumbrar de um céu aberto.
Você já esteve com pessoas assim que recentemente encontraram com Jesus?
 Ela fala de Jesus para todo mundo, ela quer compartilhar de Jesus com todo mundo e alguns chegam até a dizer por que eu não descobri esse Jesus a 10, 20,30 anos atrás, porque eu não encontrei esse Jesus que estou vivenciando hoje a 40 anos atrás.   Como são bons esses momentos iniciais de encontro com aquele que é a fonte da água da viva. Oh! Aleluia Ele é o Poderoso Jesus que salva.
Jesus sai das águas batismais, e diz o texto: “e eis que se lhe abriram os céus, e viu. Espírito de Deus descendo com pomba.”.
E é nesse inicio de vida espiritual que não se consegue ver maldade em nada, não se conhece política eclesiástica, nesse inicio tudo só tem haver com o mover do Espírito Santo, tudo tem haver com a descida do Espírito Santo.
E vejam o que mais acontece naquele momento: “e eis que uma voz do céu que dizia este é o meu filho amado em que tenho prazer”.
Meu querido é no inicio da caminhada que temos uma sensibilidade enorme para ouvir Deus falar, é por isso que nesse inicio qualquer musica gospel que você ouve toca o seu coração. Há uma facilidade enorme pra se sensibilizar diante da voz de Deus, tudo que tem haver com Deus falando.
Que bom se a nossa vida cristã se resumisse a isto, se resumisse num vislumbrar de um céu aberto, que bom se a vida cristã fosse apenas de ver o mover do Espírito Santo subindo e descendo, que fosse a nossa vida cristã de apenas ouvir Deus falar.
Só que a vida cristã também vem de um viver, que esta no capitulo 4. Quando falamos de deserto nós não gostamos, pois deserto fala de teste, o deserto nos fala de prova, o deserto nos fala de tentação.
Agora escute: Deus nos conduz ao deserto
Preste atenção, não foi o diabo que levou Jesus ao deserto, a bíblia é muito clara quando diz que o Espírito de Deus quem leva Jesus para o deserto.
Ele passa pelo batismo, contempla o céu aberto, ouve as palavras carinhosas do pai e entra no deserto.
Deserto é o lugar onde todo os filhos de Deus passam.
Esse deserto pode ser representado hoje através de uma demissão no emprego, de uma reprovação no vestibular, o fim de um noivado, na sentença de um divorcio, na decretação de uma falência irreversível, num diagnostico medico que nos desengana, ou de qualquer outra frustração em que nós mortais estamos sujeitos.
Muitos homens da bíblia tiveram que ir ao deserto, Moisés ficou lá 40 anos, Paulo também sentiu o calor e a solidão do deserto e foi onde ele reconstituiu o seu ministério.
Porque será que Deus nos leva para o deserto?
O deserto está inserido como parte da caminhada cristã por onde todos os filhos de Deus tem que passar. Jesus no deserto nos deixa exemplo para seguirmos as suas pisadas, e a pergunta é: até quando você vai seguir a Jesus, até ao batismo em águas, até receber o espírito santo, até quando o Pai estiver falando carinhosamente, ou mesmo no deserto? Até onde seguiras a Jesus?
E a pergunta continua: Porque o deserto faz parte da caminhada cristã?
1- é no deserto que encontramos a nós mesmos.
É difícil dizer onde estou; são situações desérticas da nossa existência, os problemas e as crises se instalam em nossa vida e nos faz sentirmos sós, indefesos e abandonados,
Dai começamos a ter uma noção de nossa identidade, é necessário que Deus te leve ao deserto para que você ganhe uma consciência cristalina, limpa e clara de quem você é em Deus e para Deus.   É no deserto que nós podemos nos conhecer profundamente, não há para quem olhar no deserto, somos objeto de nossa analise porque no deserto todos desaparecem.
No deserto não há para quem olhar a não ser para nós mesmos, por isso Deus te conduz pra lá. Lá não tem ninguém para ser seu referencial, não tem ninguém que você vai se medir em comparação, você é você.
Porque estamos no deserto?  Será porque Deus quer nos aperfeiçoar? Por causa de nossos pecados, porque o espírito santo quer nos encher.
O certo é que quando nos quebrantamos Deus nos revela o porquê estamos no deserto, daí podemos escolher as metas corretas para nossa vida.
Redescobrimos-nos no deserto e descobrimos um novo propósito de Deus em nossa vida. “Porque dEle e por Ele e para Ele são todas as coisas”, glória pois a Ele, eternamente amém.
Assim como o diabo tentou Jesus no deserto, lá também ele nos tenta, se tu és filho de Deus transforme essas pedras em pão, transforme esse teu problema em uma vitoria para você.
Queridos é no deserto que tomamos consciência de quem nos somos: nós somos filhos e Deus

2- é no deserto que adquirimos capacidade espiritual

No deserto pessoal somos preparados para enfrentar situações, as mesmas que satanás confrontou a Jesus, quando somos tentados ficamos de certa forma fragilizados e os nossos alvos como servos de Deus vão se embaralhando e, se lá no deserto não tivermos uma retomada, buscando em Deus uma capacitação espiritual, o mal prevalece. Essa é a tônica desse mundo em que vivemos, mas nós devemos voltar a olhar para Jesus, porque através dEle receberemos virtude do espírito santo e uma capacitação que vai nos dar forças, para os mesmos propósitos de Jesus que era servir a vontade de Deus e ao Seu reino. Se você ainda não aprendeu a servir, você não começou a viver ainda, porque só se vive quando vivemos para servir ao próximo e a Deus.
Todos nós jamais estaremos livres do deserto porque ele faz parte do processo de conquistas, o deserto é um lugar onde travamos lutas, principalmente na área espiritual, lugar de solidão. Onde eu você aprendemos que no deserto é um lugar onde Deus está nos esperando para um tratamento em todas as áreas de nossas vidas.
Por isso eu você jamais estaremos livres do deserto, é falso o ditado popular em dizer que a esperança é a ultima que morre, porque esta escrito: “a tribulação produz perseverança e a perseverança a experiência e a experiência a esperança e a esperança não desaponta, portanto o amor de Deus esta derramado em nossos corações através do espírito santo que nos foi dado.” Romanos 5:3
3 - é no deserto que nos firmamos no chamado de Deus.
O deserto que a principio seria um lugar de exaustão e queda, passa ser um ambiente onde o verdadeiro sentido da vida é valorizado, dessa forma reconhecemos a nossa identidade como filhos de Deus. Com seus ataques satanás quis criar uma crise de consciência em Jesus a partir da situação "se" - se tu és filho de Deus. Como Jesus eu e você temos que ter certeza que somos filhos de Deus, em que o pai tem muito prazer.
O mesmo espírito que te conduz ao deserto é o mesmo espírito que te lembra de que tu és filho de Deus.
Por isso o pai jamais nos abandonará.
Você precisa saber que quando estiver no deserto não é para ser destruído, mas para ser treinado para a batalha. Aleluia.
Deus não te leva para o deserto para te destruir, ele te leva para o deserto para te treinar, para preparar você porque amanhã ele quer te usar como instrumento de glória para o Seu nome. Aleluia
Quando assim procedemos nós nocauteamos satanás como Jesus também fez lá no deserto.
É no deserto que aprendemos a manusear a espada do espírito para vencer os intentos do diabo. Olha como Jesus fez quando o diabo o desafiou para transformar pedras em pães Ele disse: “nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus”.
Esse é uma arma poderosa que está a sua disposição até no deserto, onde talvez você se encontre.
Eu termino essa palavra com uma pergunta: Você está passando por um deserto?
Eu tenho uma resposta de Deus para você: Você não vai ser destruído, você está apenas sendo treinado. Como o ouro você precisa ser forjado no fogo para você sair melhor do que você entrou.
“Então disse-lhe Jesus: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás. Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos, e o serviam.” Mateus 4:10-11
Não vai terminar com o diabo o acusando mais, esse deserto vai terminar com os anjos de Deus lhe servindo porque você é filho de Jeová o Todo Poderoso.




Palavras Anteriores
O Semeador, a Semente e os Solos
Jesus contou freqüentemente, por parábolas, histórias sobre os acontecimentos do dia
A minha Alma desgostosa com a minha Vida
Receber de Deus e dar o seu melhor para ELE.
A ti também, Senhor, pertence à misericórdia; pois retribuirás a cada um segundo a sua obra.
Dilúvio
Você sonhou, vislumbrou, investiu se entregou e em algum momento perdeu o controle da história… Já sentiu a
AS DUAS PORTAS E OS DOIS CAMINHOS
AS  DUAS  PORTAS  E  OS  DOIS  CAMINHOS
Transbordar do Espírito
Você também venha comigo e achegue-se mais perto do Doador da Vida e então saberemos que tudo é uma quest&a
Cavando poços
"E semeou Isaque naquela mesma terra, e colheu naquele mesmo ano cem medidas, porque o SENHOR o abençoava. E engrandeceu-s
O QUE DEUS ESPERA DE VOCÊ
"Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espiritua
É possível recomeçar
“E disse: Um certo homem tinha dois filhos; E o mais moço deles disse ao pai: Pai, dá-me a parte dos bens que me p
A presença de Deus é que faz a diferença
1º Samuel 6:1-12 Esse texto fala da arca do Senhor, a arca do Senhor simboliza a presença de Deus, onde est&aac






Igreja Assembleia de Deus Catedral da Família

Al. Ricardo Paranhos, 728, Setor Marista - Goiânia / GO
Disque Oração: (62) 3281-4918
Desenvolvido por